Novartis transfere tecnologia à Funed

08/09/2009
Novartis
Novartis Av. Prof. Vicente Rao, 90 - Brooklin Paulista 04706-900 São Paulo - SP
Valor Online
http://www.valoronline.com.br

A Novartis anuncia hoje a transferência da tecnologia de produção da vacina contra a meningite C para a Fundação Ezequiel Dias (Funed), do governo de Minas Gerais. A transação marca a entrada da multinacional suíça na fabricação de vacinas no Brasil, um negócio que ainda inclui a construção de uma indústria em Goiana (PE).

"O Brasil tem um dos melhores programas nacionais de imunização. É um país que investe, por isso interessa à Novartis produzir aqui", explica Gláucia Vespa, diretora de vacinas da Novartis. Hoje a empresa tem fábricas de vacina na Itália, nos Estados Unidos, na Alemanha e no Reino Unido.

O processo de transferência para a Funed levará cerca de cinco anos para ser concluído. Até lá, em troca da tecnologia, o governo mineiro se compromete em comprar a vacina da Novartis para imunizar a população, o que vai exigir um investimento inicial de R$ 40 milhões.

Em 2014, quase ao mesmo tempo em que o laboratório mineiro se tornará autossuficiente na fabricação de anticorpos contra a meningite C, a Novartis vai inaugurar a fábrica em Goiana, a 60 quilômetros do Recife. A unidade receberá entre US$ 300 milhões e US$ 500 milhões de investimentos e produzirá vacinas com a tecnologia de glicoconjugação, voltada para doenças graves e capaz de imunizar a pessoa logo após a aplicação.

Amanhã, Andrin Oswald, presidente mundial de vacinas da Novartis, lançará a pedra fundamental do empreendimento no interior pernambucano. Durante a construção, parte da mão-de-obra já estará recebendo treinamento. Gláucia contratou recentemente cinco engenheiros recém-formados. Eles vão passar de 12 a 18 meses recebendo treinamento no Brasil, Itália e Estados Unidos antes de iniciar os trabalhos em Goiana.