Com a energia dos ventos a nosso favor

01/09/2016
Rafael Paniagua
Presidente
ABB
De 30 de agosto a 1º de setembro, a ABB esteve na Brazil Windpower 2016 - Conferência & Exposição, maior evento de energia eólica da América Latina, que reuniu especialistas do setor para discutir os desafios, tendências e novas tecnologias.

Durante a feira, a ABB (patrocinadora Gold do evento) exibiu, de forma interativa, todo seu portfólio e alguns dos produtos mais importantes para o mercado de energia eólica, além de sistemas e serviços de operação e manutenção para parques que utilizam a energia do vento.

A Brazil Wind Power é uma prova de que a energia proveniente dos ventos veio para ficar. E não faltam números para mostrar isso. No ano passado, o setor de geração eólica quebrou mais um recorde. Depois de superar em 2014 a marca de 50 GW de energia instalada no ano pela primeira vez na história, em 2015, o setor de energia gerada pelo vento cresceu mais 22%, mundialmente, com 63 GW.

No Brasil, de fonte secundária de energia, há pouco mais de dez anos, a energia eólica passou a ser uma opção importante e promissora, tanto que o país já está entre os maiores do mundo em sua produção.

Para a ABB, maior fornecedor mundial de soluções elétricas para este setor, com mais de 20 anos de experiência em energia eólica (e pioneira nesse segmento no Brasil), esses números só reforçam nossa aposta nessa fonte, com tecnologias que permitem melhorar o rendimento dos geradores e transportar, com perdas mínimas, a energia produzida em parques eólicos remotos.

O resultado desse trabalho? Dos quase 10 GW de potência eólica instalada no país, mais de 70% contam com soluções da ABB, sejam elas em produtos ou sistemas, como transformadores, religadores, geradores ou subestações de energia.

Recentemente a ABB ampliou sua capacidade para a fabricação local de motores, geradores e inversores de frequência, com investimentos na unidade de Sorocaba, com máquinas e equipamentos, capacitação de mão de obra e desenvolvimento de fornecedores locais.

As previsões do mercado mostram que os bons ventos devem continuar a soprar com força nesse setor (atualmente, a energia eólica já responde por 6,2% da geração de energia do país, participação que deve praticamente dobrar em apenas oito anos). E a ABB, com sua expertise e tecnologias inovadoras, estará cada vez mais presente nesse processo.

 

Veja mais informações sobre a participação da ABB na Brazil Wind Power aqui


Date : 2016-09-02 16:50:43